O vestuário é, sem dúvida, uma forma de comunicação visual. Uma espécie de identidade pessoal. Um jeito próprio de falar, sem verbalizar. O se veste diz muito sobre a gente, sabia? Revela posição social, falta de elegância, despojamento ou até autenticidade de cada um.

No casamento não é diferente e o noivo, ao contrário do que muita gente pensa, não passa despercebido. Ele tem que estar à altura da noiva. Deve transpirar bom gosto, sofisticação e coerência com o estilo e horário do casamento, sempre respeitando a personalidade e biótipo de cada um, claro.

Mas como escolher o terno perfeito? Há de se considerar algumas variáveis como:

  • Qualidade do tecido
  • Modelagem
  • Acabamento e caimento no corpo
  • Cor de acordo com o horário da cerimônia
  • Estilo e personalidade do noivo

Não é porque um modelo de terno ficou perfeito em um noivo que vai ficar lindo em outro, né? É necessário escolher bem e direitinho o terno do, também anfitrião do grande dia, concorda?

Há quem diga que terno é terno e só, mas não é bem assim não. Há modelagens mais tradicionais, outras mais clássicas, umas mais modernas, outras mais estruturadas e até as mais contemporâneas como o estilo slim fit que, dependendo do biótipo do noivo, fica perfeito! É como dizem por aí:  “cai como uma luva!”

Outra informação importante também é que o tempo de apenas terno preto tá com os dias contados. Cinza, chumbo, bronze, preto metalizado e outras cores que reluzem no altar estão em alta e vieram pra ficar. Portanto, ao escolher o terno, não se contente apenas  com o “feijão com arroz” e vá em busca daquele modelito perfeito que vai realçar sua personalidade e lhe trazer autenticidade em seu grande dia.

Deixe uma resposta

Translate »